quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

TORMENTA


Já ficou triste com alguém ao ponto de não conseguir comer? Sabe aquela tristeza que te embrulha o estômago e amortece sua mente ao mesmo tempo em que cria uma tormenta de sentimentos e pensamentos dentro da sua cabeça? Pois bem, estou assim neste exato momento, não consegui almoçar até agora de tão triste que estou....E ficar sem me alimentar não ajuda na minha clareza mental...

É um pouco difícil eu ficar sem conseguir expressar o que sinto e penso, mas  quando o medo de magoar alguém está presente na equação eu travo. Eu procuro não conversar, não falar quando estou com algum sentimento intenso e ruim com relação a alguém. Mesmo que eu esteja arrasada, com a alma dilacerada, eu me calo. Quanto mais triste e com medo, mais silêncio eu faço. Eu já não confio em sentimentos, por isso quando os mesmos estão revoltos no meu interior prefiro esperar a tormenta passar e o mar acalmar, porque se eu abrir a minha boca  com o meu mar em fúria eu posso correr o risco de machucar quem me machucou e isso só pioraria as coisas pois acho que mesmo quando alguém nos machuca isso não nos dá o direito de machucar de volta, eu não gosto nada disso.

Você pode fechar os olhos para as coisas que não quer ver, mas, não pode fechar seu coração para as coisas que você não quer sentir.

Eu estou com tantos pensamentos e sentimentos sobrecarregando meus sentidos e estou tonta já, sem condição de concatenar as idéias, mas isso não impede os pensamentos de jorrarem na minha mente já caótica. E a cada vez que eu tento não pensar em você, dói demais. Toda vez que eu penso em você também dói. Eu queria muito ser capaz de recomeçar do zero, mas eu simplesmente não tenho mais forças. Estou cansada de relevar e entender e só me machucar e machucar. Cheguei a conclusão que o que você sente não é amor, eu até acredito que você ache que realmente me amou/ama, mas um dia meu bem você vai amar alguém como eu te amei e aí você vai me entender.



Eu sei que esse amor imenso que sinto vai continuar me assombrando um tempo, sei que meus olhos continuarão marejados eu só não sei o que tenho coragem e força para fazer com relação ao que ainda sinto. Queria poder estalar os dedos e corrigir tudo, mas eu não sou Mary Poppins ou Jeannie(um gênio).E ao mesmo tempo que quero te falar tudo que entalou aqui eu não quero te entristecer, estou torcendo para o tempo passar e você me esquecer de vez. Não deve demorar muito isso....