quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Luz Dos Olhos


Ponho os meus olhos em você
Se você está
Dona dos meus olhos é você
Avião no ar
Um dia pra esses olhos sem te ver
É como chão no mar
Liga o rádio à pilha, a Tv
Só pra você escutar
A nova música que eu fiz agora
Lá fora a rua vazia chora...
Pois meus olhos vidram ao te ver
São dois fãs, um par
Pus nos olhos vidros pra poder
Melhor te enxergar
Luz dos olhos para anoitecer
É só você se afastar
Pinta os lábios para escrever
A sua boca na minha...
Que a nossa música eu fiz agora
Lá fora a lua irradia a glória
E eu te chamo, eu te peço:
Vem!
Diga que você me quer
Porque eu te quero também!
Passo as tardes pensando
Faço as pazes tentando
Te telefonar Cartazes te procurando Aeronaves seguem pousando
Sem você desembarcar
Pra eu te dar a mão nessa hora
Levar as malas pro fusca lá fora....
E eu vou guiando
Eu te espero, vem...
Diga que você me quer
Porque eu te quero também

E eu te amo!

E eu berro:

Vem!

Grita que você me quer

Porque eu te quero também!

Hei!

Hei













Beijões Gordos,

Claudia Rocha GorDivah
Snap: gordivah

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Rimas


Ontem - quando, soberba, escarnecias
Dessa minha paixão - louca - suprema
E no teu lábio, essa rósea algema,
A minha vida - gélida - prendias...

Eu meditava em loucas utopias, 
Tentava resolver grave problema...
Como engastar tua alma num poema? 
E eu não chorava quando tu te rias...

Hoje, que vivo desse amor ansioso
E és minha - és minha, extraordinária sorte, 
Hoje eu sou triste sendo tão ditoso!

E tremo e choro - pressentindo - forte, 
Vibrar, dentro em meu peito, fervoroso, 
Esse excesso de vida - que é a morte...

- Euclides da Cunha -







Beijões Gordos,

Claudia Rocha GorDivah
Snap: gordivah

sábado, 2 de setembro de 2017

Machucada

Eu vou te desapontar, te machucar, te incomodar me conectar e desconectar como se fosse a coisa mais fácil do mundo.
Esconderei meus escombros e inundações com um sorriso de Coringa no rosto.
Vamos seguir livres e selvagens por um curto tempo na estrada, até que eu destrua tudo que você admirava e enxergava em mim.
A dor é a única coisa real que nós temos, tão forte, presente, quase tangível na ponta de meus doloridos dedos.
Embora eu não consiga sentir mais nada, a dor é a única realidade que me restou, como um eterno pesadelo que nunca me permite acordar.
Eu vou te decepcionar, magoar, irritar e um dia você irá embora por outra porta e eu continuarei no meu trono de esqueletos esquecidos no meu império de névoas. 
Foi nisto que me transformei, na dor que sinto tão profundamente no meu físico, mente, psicológico e coração. 
As dores incapacitantes me cuspiram numa ilha deserta onde vivo, digo, sobrevivo cada dia desejando que seja o último enfim, mas não adianta, o amanhã sempre chega pra meu desapontamento.
Todo mundo tem um limite e eu já atingi todos os meus limites, eu tô tão quebrada, destruída que não reconheço mais quem eram meus conhecidos ou doces amigos, eles poderiam ter tido tudo de mim, mas todos desvanecem no tempo.
A tentação de entrar no modo invisível, todo dia me ganha mais um pouco, a vontade de ir embora já é mais forte que tudo, vontade de largar tudo pra lá e seguir sem rumo até o fim dos caminhos que eu conseguir trilhar ou mergulhar na sepultura aberta que já me aguarda.
Nada mais faz sentido, nenhum pensamento, nada.
Eu só queria dormir e ficar por lá mesmo, sem voltar...preciso me deitar, o chão está sumindo e o mundo parece valsar comigo, desabo na cama, mas continuo em queda livre, tudo rodopia...







Beijões Gordos,

Claudia Rocha GorDivah
Snap: gordivah

terça-feira, 29 de agosto de 2017

Fúrias

Sou o ser mais livre, tô o pó de ruínas  por causa da Chikungunya, isso porque li que quando nos perdemos e somis feitos em ruínas, aí encontramos a libertação de nós mesmos, genuina liberdade.
Perdida em meio às dores, totalmente no meio do lugar nenhum onde vim parar, no meio de mares revoltos, águas turvas e profundas, à deriva, sem fôlego por muitas vezes me perdi afundar com as ondas que me arremessam cada vez mais pro fundo.
E  a cada vez o fundo me atrai mais que a visão distante e refratada do firmamento.
Fúrias e meu coração remendado, cansado.
Alma plúmbea que sentencia meu naufragar.







Beijões Gordos,

Claudia Rocha GorDivah
Snap: gordivah

quarta-feira, 5 de julho de 2017

Aquela Tarde Perfeita

No momento uma tarde perfeita pra mim é aquela em que não desejo estar morta na quarta-feira. 
Uma tarde onde escuto Tuesday's Gone e não sinto mais vontade de chorar, nem por você e nem por motivos físicos causados pelas seqüelas da Chikungunya.



Uma tarde simples e banal pra grande maioria das pessoas, mas que pra mim significa MUITO, vale mil sorrisos. Uma tarde de trabalho em que consigo de fato trabalhar, um pouco dolorida, ainda com dificuldade para executar alguns movimentos, mas, conseguindo trabalhar e sem pensar em morrer a cada olhada no relógio, coisa que quase não fiz hoje: olhar o relógio.

Ah se eu soubesse o quão pequena eu e tudo que sinto e penso  somos diante da vida, eu teria vivido os anos pós câncer de modo bem diferente. Eu achava que tinha aprendido o que era ser pequeno, que eu era pequena, mas me enganei. E hoje eu sei que sou menor ainda do que consigo em ver hoje, ainda há ego e vaidade aqui dentro, muitos erros e trevas escondidas.

O sofrimento destrói ou transforma, você escolhe como lidar com ele, mas a dor é inevitável, não se engane tentando fugir dela. Quanto mais você tentar fugir, mais próximo dela estará.

Ainda está doendo nos locais onde fui espetada e eletrocutada na eletroneuromiografia, mas, tá suportável. 

Saudades de vocês, se é que ainda sobrou alguém por aqui <3






Beijões Gordos,

Claudia Rocha GorDivah
Snap: gordivah

domingo, 25 de junho de 2017

Mais de um ano com Chikungunya

E já se passou mais de um ano e todo dia eu tenho dor. Umas semanas com lesões novas em decorrência da debilidade do organismo, outras lidando com dores novas que surgem por causa de novas lesões.
Continuo com formigamento na mão direita, sem força e sem tato e sem coordenação.
Continuo sem conseguir segurar um prato, sem conseguir usar garfo e faca e fazer uma refeição à mesa, continuo com os músculos faciais inflamados e fracos, ñ consigo mastigar alguns alimentos sólidos ainda, as dores e limitações são muito diversas, mas assim como as dores continuam, minha esperança de vencer uma barreira por vez continua viva, meu bom humor e positividade estão bem alimentados e isso me ajuda a respirar fundo e dar um passo por vez.
Embora eu esteja lidando com as piores tendinites que já tive e por isso estou offline, só queria pedir à vc que reclama da vida para ser grato pelo que tem, vc é feliz e não enxerga isso.
Se vc pode por si msm responder 1 msg q seja pra alguém q tirou um pequeno momento do dia pra lembrar e enviar carinho pra vc, ñ despreze,  reconheça, retribua.
Eu, nessa nova recaída e novas dores e lesões mais uma vez consigo ter mais clareza sobre o quão pequena eu e minhas dores somos diante da magnitude da vida.
A vida é muito maior do que coisas mesquinhas, egoísmo, vaidade, likes, interpretações de msgs de txt frias numa tela, descomplique e se liberte de tudo que te aprisiona, saiba reconhecer e apreciar as pequenas coisas boas, aprenda a gerar e compartilhar alegria, empatia, humildade e compaixão.
Um bom julho e final de Junho para todos e #gratidão aos q me ajudam e mts vezes nem sabem disso.
#ClaudiaGorDivah  #GorDivah com mãos emprestadas, mas tá valendo
#pomadaContraDordaChikungunya
#Chikungunya
#DoresFortes
#DorIncapacitante
#fibromialgia
#fibromialgya
#chicungunha
#Aedesaegypti
#arboviroses
#febrechikungunya
#PomadaAnalgésica
#DordaChikungunya
#tendinite
#sequelasdachikungunya
#1anoe3mesesdedores







Beijões Gordos,

Claudia Rocha GorDivah
Snap: gordivah

sexta-feira, 17 de março de 2017

Prazer Estranho!


No meio de uma playlist gigante do QUEEN que comecei a ouvir pois lembrei de você e deu vontade de ouvir, do nada aparece o Pink Floyd melodiando um desejo recorrente meu, uma vontade de ter você ao meu lado toda vez que vejo algo e penso que você gostaria de ver ou ouvir ou até mesmo comprar algo, junto com a lembrança vem de dentro um "Wish You Were Here" .

E nem faço ideia se você curte PF ou não,mas, talvez, quem sabe você também lembre de mim às vezes ao ver algo no meu/nosso estilo, quem sabe você lembre da GothDivah no caminho pra casa, quem sabe ao brindar com sua bebida preferida você pense "queria que ela estivesse aqui para brindarmos juntos"...talvez uma bloody mary no cardápio te faça lembrar da cor do meu cabelo, a pimenta aguce seu paladar e te faça imaginar quão ardente nosso beijo seria....

E na jukebox começa a tocar Light My Fire...que é o que você faz comigo como ninguém jamais fez....

Alguém grita hey inferno na torre, vc aqui? Penso nossa! Há quanto tempo não me chamam por esse apelido....sou jogada num turbilhão de lembranças e emoções do passado, nos cumprimentamos, trocamos celulares de novo e de novo combinamos um cinema que sabemos que nunca vai rolar, mas o café e o donut e a carona foram ótimos.

A vida é cheia de quase ou e se dependendo do caso, no meu caso é cheia de quases, eu quase sempre quebro a cara quando digo o que sinto pra alguém, sabe aquele dom pra se apaixonar por quem não é apaixonado ou não vale nada? Pois é, conheço bem. Mas apesar de tudo, ainda prefiro uma vida em que a coragem supera o medo, uma vida de mergulhos de jumpsuit despenhadeiros abaixo, bungee jump em dupla, melhor cair em queda livre do que nunca sair do lugar, nunca sentir a adrenalina arrepiando sua pele e o vento à toda em seu rosto, livre como uma ave planando no céu ao sabor das correntes.

Nos despedimos, sigo pra casa e onde menos espero conheço uma pessoa nova que é simplesmente bem parecida com meu jeito de ser, tão bom quando rolam umas identificações instantâneas, e isso não tem sido muito raro, não sei se estou mais solta, não sei se é a medicação pra dor, mas essa mudança no estilo e ritmo de interação é tão maravilhosa em certos dias. Se alguém me dissesse hey quer participar de um experimento? Você terá que conhecer uma pessoa nova todo dia e conversar com essa pessoa, topa? Eu acredito que não toparia mesmo, mas, é o que tá rolando e não é que tô amando isso gente!

Acho que estou conhecendo mais gente na vida real do que ganhando inscritos em meu canal kkkkkkk
Apreoveita que leu até aqui e se inscreva, assim vou saber quem leu tudin!














Beijões Gordos,

Claudia Rocha GorDivah
Snap: gordivah

terça-feira, 14 de março de 2017

Vou Te Contar Um Segredo: Viver Tentando Agradar Todos É Uma Prisão! É autosabotagem! LIBERTE-SE!!!



video



Mana, não importa quem você é ou finge ser pro mundo, você nunca vai conseguir agradar todo mundo em tudo, seja com sua aparência, cor ou tipo de cabelo ou estilo!!

Acorda pra vidaaaa!! LIBERTE-SE!! OUSE! 

Que tal se redescobrir e começar a ser você mesma a partir de hoje?

Que tal largar quem não te valoriza e se amar em primeiro lugar? Quem te faz feliz não é o outro e sim você mesma! Pense nisso: antes o amor próprio, depois o correspondido. 

Se o outro não te valoriza, se valorize e dê no pé!

AME-SE EM PRIMEIRO LUGAR, SEMPRE!! E chega de fingir ser quem você não é, quem tiver de gostar de você vai gostar de quem você é de verdade e não de uma versão camuflada, disfarçada sua, mostre suas cores, sua personalidade, quem você realmente é!















Beijões Gordos,

Claudia Rocha GorDivah
Snap: gordivah

quinta-feira, 9 de março de 2017

A Vida é Maior do que o Facebook

Não importa o tamanho das dores, sejam elas físicas, emocionais, espirituais, você é maior que sua dor física, você é maior do que a dor que te causaram, você é maior do que a dor que só você entende e vivencia.
Cuide sim de suas dores, mas não para se apegar às mesmas, não guarde rancor, ódio, ressentimento, não remoa o que fizeram de errado ou mau tratamento que te deram, se te julgaram de uma forma e te definiram como algo que você não é, cultive a paciência, tenha o entendimento que a percepção errônea que as pessoas tem sobre você, NÃO TE DEFINEM. Se você se conhece e tem consciência de que o outro teve uma percepção distorcida, não crie nem alimente inimizades, desafetos, essa pessoa tá precisando de mais luz na vida pra enxergar as coisas e pessoas de uma forma "mais iluminada".
Sabe quando as pessoas vão ao cinema e a visão ao sair do escuro ou entrar fica meio confusa? Então, há pessoas que enxergam a vida e os outros assim, se estão no escuro ou local mal iluminado, quando enxergam algo de brilho mais intenso, não conseguem reconhecer direito o que veem.
A vida é muito maior do que comentários/posts/o que seja, em redes sociais. A vida é muito maior do que aquilo que pensam de errado sobre você. Te trataram mal? Não deixe isso estragar seu dia, não cultive desafetos, desapegue de desafetos, sentimentos ruins, ressentimentos, rancores, necessidade de "mostrar/provar que o outro está errado", siga em frente, "big pictururize" sua visão da vida, amplie sua mente, enxergue além. Tenham todos um excelente dia com muita luz e força e sabedoria e paciência para superar todos os obstáculos  que surgirem da melhor maneira possível. Beijões gordos
Por #ClaudiaGorDivah
As muitas faces da gordofobia e como lidar com elas! ASSISTA O VÍDEO COMPLETO LÁ NO CANAL: https://youtu.be/YuypZURiL7A


















Beijões Gordos,

Claudia Rocha GorDivah
Snap: gordivah

sexta-feira, 3 de março de 2017

Névoa

"Gosto de ver você dormir que nem criança com a boca aberta...."
Uma imagem e uma música que disparam milhões de pensamentos, devaneios, anseios....um colo, um cafuné, um sonho.
É como se por um piscar de olhos eu pudesse me ver com seus olhos, admirados me decorando num só olhar enquanto sonolenta repouso minha cabeça no seu colo e seus braços me envolvem com tanta ternura que me fazem querer lutar contra o sono e o cansaço de uma  longa jornada só para continuar a te sentir aqui comigo...Adormeço e acordo te procurando e percebo que foi apenas uma névoa que se dissipou com a manhã, um sonho muito real, mas, que ainda assim me fez acordar sorrindo embora intrigada por ter sonhado assim com você....tomo meu café e me convenço que sonhos não tem ligação com a realidade, que foi por causa de alguma história que li antes de dormir que sonhei assim com você.

Inscreva-se em nosso canal youtube.com/c/gordivahnoar

#blogueiragorda #blogueiragordivah
#gordivoh #gordivohs
#ClaudiaRochaGorDivah  #gordivah #gordivahs
#gordivahsmaravilhosas   #gordivahdivando  #canaldagordivah
#fatpwr #gordivahpwr  #BlogGorDivah  #CanalGorDivah  #ClaudiaGorDivah #youtubergorda  #youtubergordivah #gordivahcarioca #gordivahyoutuber